Search
terça-feira 21 novembro 2017
  • :
  • :

Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos

596-sitio-arqueologico-sao-joao-marcos-bx

Cruzeiro e ruínas da Igreja Matriz ao fundo

Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos

São João Marcos em 1939

São João Marcos em 1939

 

O Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos é um exemplo de conservação da história do país. Em 1939, São João Marcos foi uma das primeiras cidades históricas do Brasil tombadas pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Mas, no ano seguinte, foi destombada e demolida pelo Governo Vargas para permitir a ampliação do complexo hidrelétrico de Ribeirão das Lajes e garantir o suprimento de água para o Rio de Janeiro, que então enfrentava uma crise de abastecimento.

 

Atualmente, as ruínas do Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos podem ser visitadas, pois o local se transformou em um espaço cultural e educativo, patrocinado pela Light e pela Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro, e gerido pelo Instituto Cultural Cidade Viva (ICCV).

Centro de Memória e Espaço Obra Escola

Centro de Memória e Espaço Obra Escola

Foi aberto em 2011 sobre as ruínas da antiga cidade. Há ainda o Centro de Memória e o Espaço Obra Escola, onde, por meio de painéis ilustrativos em formato de história em quadrinhos, as crianças são introduzidas ao mundo da arqueologia de maneira lúdica; além disso, há a horta orgânica na qual alunos cultivam e colhem alimentos livres de agrotóxicos.

Um lugar muito interessante onde a contemplação da paisagem é invejável. Destaque para o observatório de pássaros que embelezam as ruínas com suas lindas cores e cantos.

Visitação

Aberto de quarta a sexta-feira, das 10h às 16h e sábado e domingo, das 9h às 17h.

Onde: Estrada RJ-149 (Rio Claro – Mangaratiba) Km 20 – (21) 2233-3690 – Mangaratiba

Site: www.saojoaomarcos.com.br; Facebook: www.facebook.com/ParqueSaoJoaoMarcos

Ruínas da casa do Capitão-mor Fotos Márcio Masulino

Ruínas da casa do Capitão-Mor
Fotos Márcio Masulino

601-mangaratiba-parque-arqueologico-sao-joao-marcos-placa-bx

 

Comments

comments




Deixe uma resposta