Search
quarta-feira 20 março 2019
  • :
  • :

Parque Aldeia do Imigrante em Nova Petrópolis

Parque Aldeia do Imigrante - Escola Comunitária da Vila - Fotos: Márcio Masulino

Parque Aldeia do Imigrante – Escola Comunitária da Vila – Fotos: Márcio Masulino

O Parque Aldeia do Imigrante foi criado para resgatar a cultura dos imigrantes, principalmente os alemães. Dividido em espaços como a Aldeia Bávara e a Aldeia Histórica, o parque ocupa uma área de dez hectares. A ideia da construção do Parque foi no ano de 1974, durante a comemoração dos 150 anos da Imigração Alemã no Rio do Grande do Sul.

Gestores e munícipes perceberam, durante as apresentações folclóricas, a importância e o valor histórico de se preservar a memória. As construções da vila foram baseadas em fotos antigas e os materiais usados retirados de outras construções e transportadas para o Parque.

Parque Aldeia do Imigrante

Capela do Imigrante (1875)

A experiência

Não tem como não se emocionar ao se sentir imerso neste ambiente. A vila retrata, com fidelidade arquitetônica, a cultura dos imigrantes da era de 1870 e 1910.

E você vai passear por uma ferramentaria, uma escola típica das colônias (muito prazeroso se sentar em uma cadeira escolar usada pelos seus bisavós), a capela construída em técnica enxaimel, um cemitério que nos remete a um tempo não tão distante e muitas outras obras que nos deixam maravilhados.

Concebido pela Prefeitura Municipal de Nova Petrópolis, hoje, é administrado pela Urbanes Empreendimentos por meio de uma concessão pública.

 

Onde: Av. 15 de Novembro, 1.966  – Nova Petrópolis.

Parque Aldeia do Imigrante

Museu histórico

Parque Aldeia do Imigrante

Cemitério com antigas lápides de barro queimado




Deixe uma resposta